dia a dia

Ruídos constantes, incessantes. Barulho de carros, som das máquinas trabalhando, agenda lotada, a televisão ligada….
O sol vai se pondo e levando consigo todos os ruídos da cidade… A noite vem, consigo vem o frio, as máquinas param, a televisão continua ligada, as luzes da cidade se acendem.
As janelas se fecham, os carros já estão na garagem, as escolas vazias… são poucos os sorrisos de satisfação das pessoas que estão voltando para casa, ainda uniformizadas.
O cansaço toma conta, o chuveiro liga, a água quente cai…
A constante rotina dos sobreviventes, o sacrifício diário para ter a conta recheada no começo de cada mês.
E tudo vai continuando, sem parar. Nem pense em descansar, amanhã, bem cedinho, tudo começa de novo.

Um comentário em “dia a dia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s