"passados-presentes"

Aquele momento em que tudo pára, e pensamentos agradáveis, de saudade, começam a tomar conta.
Saudade imensa dos tempos em que eu era apenas um menino, apenas uma criança aprendendo como viver e achando que sabia de tudo.
Minha infância, meus amigos, meus primos… Pessoas que há muito tempo estiveram comigo e hoje não fazem mais parte da minha vida como antes. Sinto falta da alegria que eu sentia em jogar bola ou vídeo game com primos que hoje estão tão distantes que eu nem tenho mais notícias.
Sinto saudade das brincadeiras clássicas, no meio da rua, e sorrir com todos e ter a sensação de estar vivendo o melhor momento do dia.
Tanta coisa mudou. Tanta coisa se foi e deixou uma saudade tão apertada que chega a doer.
Enquanto a maior parte não pode ser escrita, vou apenas, dando um sorriso bobo enquanto escrevo.. Apago… Escrevo… E apago fragmentos desse texto. Mesmo tentando, algumas coisas não podem ser escritas, somente sentidas.
Por mais que tudo isso não faça mais parte da minha vida, vive comigo e me acompanha. São coisas que passaram, mas ainda fazem parte do meu presente. São “passados-presentes”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s