Minha luta

Todas as vezes que eu tento me levantar, eu caio. Parece que as quedas contínuas estão me enfraquecendo cada vez mais. Sei que é difícil, mas não vou desistir.
No começo desse ano fiz um post no blog falando sobre o ano de 2011 e as dificuldades que eu estava enfrentando. Sei que desde o começo seria um ano muito difícil.
Existe a luta para aprender a confiar, a luta para aprender a testemunhar, a luta para conseguir manter-se diferente em meio a uma multidão cheia de pessoas iguais…
Tenho um grande sonho, ele está no final dessa jornada e não pretendo deixar de lado os meus sonhos por causa das dificuldades momentâneas que eu estou enfrentando.
Sei que tudo vai passar, as coisas vão mudar – para melhor  – e eu vou poder respirar aliviado com um sentimento de vitória e conquista.
Quem foi que disse que eu desistiria tão facilmente?
Não, eu não vou desistir. Vou continuar até o fim.
Tenho que vencer a mim mesmo. Tenho enfrentado uma das minhas maiores lutas, contra eu mesmo. Contra minhas más vontades, meus maus desejos, contra as más influências que querem entrar na minha vida…
Preciso de forças, preciso me levantar de olhar para cima. Por mais que eu caia de novo, tenho que me levantar novamente e aprender que a vida nem sempre é composta apenas de vitórias, mas sim de perseverança.
Qual seria a graça de uma guerra sem o sentimento de superação no final da luta?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s